Cadastre-se!

Login

Senha perdida

Perdeu a sua senha? Tudo bem, acontece! Informe o seu e-mail e clique em "Reset" que você receberá instruções para criar uma nova senha.

Login

Cadastre-se!

Junte-se a esta comunidade! Cadastre-se e comece a participar, perguntando, respondendo, ajudando e sendo ajudado!

Modulo de Som – Conheça e Entenda bem antes de você comprar o seu

Ajude, Compartilhe :)
  • 54
  •  
  •  
  •  
  •  

É muito importante entender o mínimo de Modulo de Som antes de você comprar o seu para que a sua experiência com ele seja a melhor possível. Você já conhece bem? Se não, veja os principais detalhes que pode fazer muita diferença, principalmente na qualidade final do seu conjunto de Som Automotivo.

Modulo de Som PioneerO que é Modulo de Som?

Chamado comumente apenas de “Modulo” ou “Potência” na verdade é um Amplificador e tem como função principal e óbvio amplificar o sinal de audio proveniente de um Head Unit – que pode ser um CD Player, DVD Player ou mesmo um simples Rádio ou aqueles Toca-Fitas usados muito antigamente – para alimentar (tocar em) um conjunto de Alto Falantes (Woofers, Tweeters e Drivers por ex.) ou em um Subwoofer (chamado muitas vezes apenas de “Sub”), ou um conjunto deles. Simplificadamente, é um aparelho para aumentar a Potência do seu Som Automotivo, mas a função não se limita a apenas incrementar potência, mas também incrementar faixas de Frequências seletivas, geralmente os mais graves.

As principais características de um Modulo de Som

Como principais características que você deve levar em conta podemos citar:

A Potência. Considere sempre o valor especificado em Wrms ou “Potência Nominal” pois as potências de pico que muitas vezes é considerada, para efeito de “marketing”, é a potência máxima fornecida apenas em picos por períodos bem curtos de tempo e não representa a potência em uso contínuo. Ao verificar a Potência, observe sempre a que valor de Impedância foi especificada, pois para cada valor de Impedância o valor da Potência é diferente. Atente-se também que cada fabricante, tem uma medição um pouco diferente, embora não mude tanto, por ex. um fabricante pode especificar “100Wrms ligado a uma fonte de 14.4V” e outro pode especificar “100Wrms ligado a uma fonte de 13.8V”.

A Impedância. Medida em Ohms, é uma das medidas mais importantes (embora muitas vezes “desprezada”) pois dependendo do “casamento” da Impedância entre o Modulo e os Falantes/Subs, você pode ter um aproveitamento máximo de ambas, ou pode ter um aproveitamento péssimo do conjunto, e na pior das hipóteses, pode até queimar o Modulo.

A Resposta de Frequência. É o valor especificado em Hz (e KHz) e representa a faixa de Frequência que o Modulo “responde”, isto é, que ele consegue “ler” e amplificar – enviar para o falante.

O número de Canais. Existem Modulos 1 Canal (ou Mono – geralmente usado para Frequências graves ou “Subs”), 2 Canais (ou Stereo – geralmente usados para conjuntos Frontais/portas ou conjuntos Traseiros/tampões ou então caixas stereos para som externo) e 4 Canais (geralmente usados para o conjunto completo Frontal e Traseiro). Além disso, embora raros, existem os 4.1 e 4.2 (além de outros ainda mais raros) destinados àqueles que desejam amplificar os 4 canais normalmente + 1 Canal ou + 2 Canais (no caso do 4.2) de grave para alimentar o Sub ou conjunto de Subs. E muitos Modulos oferecem ainda a opção de configurar em “Bridged” para adequar melhor às suas necessidades. Para saber mais sobre ligações em Bridged leia este post.

O tipo de Entrada de Audio/sinal. Hoje, o mais comum é o RCA que oferece melhor qualidade, mas existem também com entrada “High Level” , isto é, direto da saída para falantes do Head Unit (CD Players por ex.) e aqueles que aceitam ambos sinais, o RCA e o High Level.

A Classe do Amplificador. Embora existam várias, o mais comum é o “A/B” e o “D”. O Classe “A/B” caracteriza-se pela melhor qualidade, porém com consumo de energia muito superior, ou seja, pouca eficiência energética, e são utilizados mais para amplificar conjuntos normais do som, ou seja, aqueles destinados aos Alto Falantes. Já o Classe “D” muitas vezes confundido como “Digital” é um amplificador muito mais eficiente, o que diminui um pouco a sua qualidade, e por essas características são muito mais utilizados em Modulos Monos, para Subwoofers, pois esses costumam ser de potências muito mais elevadas – o que consumiria muita bateria se for um de Classe “A/B” – e operam em faixas de frequências (graves) muito pouco perceptíveis à eventual perda de qualidade.

Sensibilidade ao Sinal de Audio. Normalmente é entre algumas centanas de mVolts até alguns Volts e não difere tanto de um Modulo para outro, porém existem alguns com sensibilidades maiores (menores valores em mVolts) e isto ajuda a melhorar a relação “ganho por Volume”, que falando de forma simples, significa que com um pequeno incremento no Volume do seu CD Player o Modulo responde prontamente, com mais intensidade. Normalmente este tipo de configuração (em alta sensibilidade) não é recomendado pois pode distorcer o som ou forçar demasiadamente o Modulo, porém é uma característica que você deve levar em conta quando você desejar que a “resposta” ao incremento do Volume no CD Player seja bastante intensa pelo Modulo.

A Dimensão. Quando o espaço para a instalação não é problema ou quando o espaço ocupado pelo Modulo é indiferente, este aspecto não tem tanta importância, mas para muitos o espaço dentro do carro, especialmente do porta-malas, é limitado e aí o Tamanho do Modulo pode fazer muita diferença e ser muito relevante. Assim, vale a pena prestar atenção às medidas dele para evitar a frustração de comprar um Modulo que ficará mau instalado, ou ficar constantemente incomodado com o espaço ocupado por ele.

Para entender mais sobre Modulo, continue lendo sobre os Principais Controles e Regulagens disponíveis em Modulos de Som.

Tem Dúvidas? Faça perguntas!

Gostou do artigo? Curta e Compartilhe nas redes sociais! Com essa Atitude simples você pode Ajudar alguém! Obrigado!

Achou útil? Curta, marque +1 :)

Sobre o Autor

Desejo fazer deste site/blog uma grande comunidade com informações ricas e muito úteis para os amantes de som, sobretudo de qualidade.

Comments ( 3 )

  1. […] Se você ainda não leu sobre as Principais Características, leia aqui. […]

  2. […] Hoje vamos falar de CD Player. Se você tem dúvidas sobre Modulos, veja este artigo. […]

Leave a reply

Você pode usar as seguintes tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>